Vida Acadêmica

Estudantes que gaguejam enfrentam desafios extras em suas vidas acadêmicas, pois a disfluência pode afetar suas interações sociais, engajamento acadêmico e até suas notas.

Atividades de sala de aula como leitura em voz alta, apresentações, ou respostas a perguntas podem ser experiências assustadoras que podem causar ansiedade, constrangimento e “bullying”. Alguns estudantes que gaguejam farão o possível para não serem percebidos. Eles podem sentar no fundo da sala e responder “Eu não sei” ou outra frase curta para evitar falar.

É importante educar as escolas e universidades em como melhor facilitar o aprendizado de estudantes que gaguejam. Por exemplo, além de educar os funcionários escolares sobre transtornos de fala, instituições de ensino devem considerar oferecer serviços de auxílio como terapia de fala para estudantes com dificuldades de comunicação. A terapia de fala pode não eliminar a gagueira por completo, mas pode ajudar com a diminuição da gravidade, melhorar a capacidade de comunicação e impulsionar a auto-confiança.

Se você é um estudante que gagueja, não permita que sua gagueira impeça você de aproveitar o máximo de sua educação. Pergunte para sua escola ou universidade que tipo de apoio eles oferecem. Frequentemente, funcionários e professores não percebem que você tem um transtorno de comunicação, então fale para eles. E peça ajuda quando necessário, explicando como eles podem auxiliá-lo(a) melhor.

Contato

Tem uma pergunta, sugestão ou comentário sobre Stuttering Society?

E-post: info@stutteringsociety.com

Copyright © 2020 | Todos os direitos reservados. | Stuttering Society.

New Report

Close